E se Capitão América: Guerra Civil tivesse sido feito em 1996?

00.

Eae Uarevers dessa nave louca.
Eu sei que mal to aparecendo aqui nos posts, mas quero manter a tradição da brincadeira que comecei láááá no primeiro Vingadores  e continuei em Era de Ultron.

A brincadeira agora vai ser com Capitão América – Guerra Civil. Afinal, apesar de ser um filme centrado no bandeiroso, ele é quase um Vingadores 3.

Bora lá.


001

Capitão América – Brad Pitt

O futuro Sr. Jolie agora já é um astro reconhecido não apenas como galã, mas como um ator realmente talentoso, principalmente pois no ano anterior, 95, estrelou dois grandes sucessos de sua carreira: Se7en e Os 12 Macacos. Nestes filmes ele deixou de lado o seu apelo de bonitinho e cravou duas interpretações dignas de aplausos. Entretanto em 96 seu único filme foi o pouco lembrado Sleepers. A terceira parte do filme dos Vingadores teria sido seu grande sucesso do ano.

 

002

Homem de Ferro – Pierce Brosnan

Brosnan em 1996 está em uma ótima fase na carreira. Protagonista da franquia 007, ele fez 007 Contra GoldenEye no ano anterior e será novamente James Bond em 1997 em O Amanhã Nunca Morre. Em 96 ele está em O Espelho tem Duas Faces, o Desaparecimento de Kevin Johnson e na obra prima do non sense Marte Ataca. Claro que além de Bond, ele mantém outra franquia milionária nas mãos como Stark, Tony Stark.

 

003

Viúva Negra – Cindy Crawford

Cindy Crawford. Cindy Crawford poderia ter sido a Viúva Negra em 96. Cindy Crawford pode ser a Viúva Negra hoje. Cindy Crawford pode o que ela quiser.

 

004

Gavião Arqueiro – Emílio Estevez

O que dizer de Emílio Estevez? Ele continua sendo o irmão menos famoso de Charlie Sheen e o filho menos famoso de Martin Sheen. Emílio Estevez em 96 está em Missão Impossível, mas não é creditado. Emílio Estevez em 96 está em uma sitcom que eu acabei de descobrir que existe chamada War at Home, com um cabelo de penico vergonhoso. Emilio Estevez merece um podcast só para ele. Emílio Estevez consegue ser mais bucha que o Clint Barton.

 

005

Falcão – Jamie Foxx

Jamie Foxx havia feito no ano anterior Um Domingo Qualquer, com um elenco estelar, e em 1996 estava coadjuvando no filme Feito Cães e Gatos e O Trambique do Século. Já que está acostumado a ser o melhor amigo do protagonista até então, ele continua no papel do parceiro do Capitas como Sam Wilson. Detalhe, no ano seguinte ele vai fazer um filme chamado Procura-se um Bumbum Desesperadamente. Sim. É verdade. Anos 90.

 

006

Feiticeira Escarlate – Neve Campbell

Neve Campbell teve um 1996 bem agitado. Ela esteve no sucesso teen/girl power/gótico suave Jovens Bruxas e começou a protagonizar a franquia de sucesso Pânico, que rende até hoje (MEODEOS 20 ANOS DE PANICO ESTAMOS VELHOS MAGNETO). Mantendo então a vibe emocore dos dois filmes, ela vai ser mais uma bruxa repetindo seu papel como Wanda.

 

007

Máquina de Combate – Laurence Fishburne

Laurence Fishburne teria a chance de fazer um filme bom nesse ano. Afinal o único trabalho dele no cinema foi A Caçada, em que ele faz um filme de fuga em que é parceiro de Stephen Baldwin, provavelmente o mais merda entre os 746 irmãos Baldwin. Mas o ser QueimaPeixe é um cara foda demais e ia continuar sendo foda como o militar fodão associado de Tony Stark.

 

008

Visão – Ralph Fiennes

Já o senhor Fiennes estrelava nesse ano o filme O Paciente Inglês. Fiennes é britânico e sabe atuar cheio de pompa e elegância.

 

Essa galerinha aê foi fácil. Já estavam selecionados das outras.
Agora que a porca torce o rabo: vamos aos novatos.

009

Pantera Negra – Djimon Hounson

Ainda um ilustre desconhecido em Hollywood, Djimon (são digitais) teve até então seu maior filme em Stargate no ano anterior. O papel do príncipe de Wakanda seria a primeira porta para uma carreira de sucesso, visto que no ano seguinte ele assumiria um papel forte no marcante Amistad.

 

010

Bucky – Matthew Fox

Se Sebastian Stan é um ator oriundo de séries de TV como Gossip Girl e Once Upon a Time, nada mais justo que quem fizesse o melhor amigo de Steve Rogers na versão noventista dos Vingadores tenha a mesma origem. Muito antes de ser o doutor Jack de Lost, Matthew Fox era o irmão mais velho do dramalhão noventista Party of Five – O Quinteto, para quem acompanhava na Record. Fox tem o perfil certo para o Soldado Invernal.

 

012

Homem Formiga – Steve Guttemberg

Sim, Mahoney é Scott Lang. Além de ter uma semelhança com Paul Rudd, o ator também veio de inúmeras comédias nos anos 80 e 90, como a franquia Loucademia de Polícia e Três Solteirões e um Bebê. Acontece que lá pela metade da década ele andava meio caído, fazendo algumas comédias de pouquíssima repercussão. Fazer um vingador talvez tivesse levantado a carreira do cara, e evitado o ostracismo em que ele acabou indo parar.

 

011

Agente 13 – Courtney Thorne-Smith

Mesmo caso de Bucky, quem interpreta Sharon Carter é Emily VanCamp, conhecida por seu papel de Nina…ops… Emily em Revenge. Para sua versão dos anos 90 escolhi a atriz que interpretou Alisson em Melrose Place, série irmã de Barrados no Baile. Ela nunca teve uma carreira muito consolidada no cinema, mas é figura fácil nas séries americanas como Spin City e Ally McBeal, e é mais conhecida hoje em dia como a namorada mais freqüente de Alan Harper em Two and a Half Men.

 

013

Homem Aranha – Leonardo Dicaprio

Estamos nos anos 90. Um dos desenhos da maior sucesso é o do Homem Aranha. James Cameron tinha um projeto de levar o cabeça de teia pro cinema. Ele queria o agora oscarizado Dicaprio. Quem sou eu pra contradizer James Cameron?
Leonardo Dicaprio estava com 22 anos, 3 a mais que o Tom Holland atualmente, mas bem menos que a maioria dos atores que fizeram o Peter Parker até hoje. Cara de adolescente estava lá, e claro, a Marvel ia querer um ator de nome pra ser o aracnídeo. Ainda não havia sido produzido o fenômeno Titanic, mas Leonardo Dicaprio estava em franca ascensão na carreira, tendo feito Gilbert Grape, Rápida e Mortal e Diário de um Adolescente nos anos anteriores e estrelando Romeu e Julieta em 96.

 

014

General Ross – Donald Sutherland

O pai do Jack Bauer, pra começar, já ostenta uma barba respeitável para ser o grande inimigo do Hulk. O ator vêm de uma carreira já consolidada, e na época da produção dessa versão de Capitão América teria acabado de sair em Tempo de Matar, Assédio Sexual e Epidemia. Um nome de peso para o elenco garantiria o padrão Marvel de grandes nomes em personagens coadjuvantes.

 

015

Sean Bean – Zemo

Finalizando, temos o vilão do filme. Sem dar spoilers, Zemo tem uma participação importante no filme, mas não lembra me nada a sua contraparte dos quadrinhos – o que a meu ver, não foi problema algum. Sean Bean, bem antes de se unir a Sociedade do Anel e perder a cabeça em GoT deu um bom trabalho para o 007 de Pierce Brosnan, e aqui repetiria a dobradinha com o ator, se tornando o vilão de Capitão América – Guerra Civil.

 

E é isso ae rapaziada. Guerra Civil é esse filmasso que vimos. Como será que teria se saído 20 anos atrás?
Gostou? Odiou? Concorda? Discorda? Disconcorda? Gostaria de ver um post desse com Batman V Superman? Gostaria que a gente parasse com esses posts inúteis e publicássemos o resumo das novelas da semana?

Deixe seu comentário ae embaixo.

Saudações, e até o próximo episódio.

Designer gráfico por vocação, publicitário por formação, filósofo por piração.